Benfica faz o seu português “O Clássico”, 0-1 no Porto e agora na Juve

Porto-Benfica Português ‘O Clássico’ termina com vitória das águias graças ao golo de Rafael Silva na 72ª. Jogo caracterizado pela expulsão no dia 27 do PT de Eustáquio por um duplo cartão amarelo. Porta que apesar da inferioridade numérica conseguiu seguir o Benfica homem extra forte. Inúmeras faltas sofridas por ambas as equipes, além de cartões amarelos, 9 no total.

masculino Schmidt eles ganham mais posse de bola e recolhem 520 passes bem sucedidos contra os 206 do Porto. Performances que restauram o moral diante do desafio que se avizinha Liga dos Campeões contra o Juventus do Alegre que também se livrou dos ‘pobres’ à noite Empoli.

Conceição ele recrimina as escolhas dos árbitros, em particular a expulsão que caracterizou a partida. Um grande desempenho que não foi suficiente para assumir a liderança.

Diante dos 50.000 ‘dragões’, o Porto ganha a aposta. 98 minutos para liderar pelo exemplo e trabalhar para o futuro.

O Benfica, por outro lado, aumenta a classificação para 28 pontos, mais 6 do que o Porto, que se mantém na segunda posição até à final Braga quem vai visitar oPraia do Estoril.

Artigo de Stefano Ghezzi – Sportpress24.com

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *