Comitê Paralímpico Italiano – Do título mundial à escrita: o primeiro livro de Marco Fasanella

Campeão mundial em 2017 com a seleção italiana de futsal FISDIR (Federação Italiana de Esportes Paralímpicos de Intelectuais Relacionais), o milanês Marco Fasanella publicou recentemente seu primeiro livro intitulado “Não deixe ninguém para trás”, com edições Dissensi. Uma obra que conta a história do atleta com síndrome de Down, falando sobre seus sonhos relacionados ao esporte, à vida e à esfera sentimental. A história mostra que a síndrome de Down não é um obstáculo, que na vida com força de vontade podemos superar todos os obstáculos. Marco está feliz e não mudaria de estado e, ao contrário, relança: “Não se esconda nas curvas, seja feliz. A vida é um lugar maravilhoso”.

Marco, por que você quis escrever um livro?
“Escrevi este livro porque queria contar a minha história de vida, foi um sonho realizá-lo e é um livro que me representa como atleta da seleção nacional do FISDIR. Queria dizer a todos que a trissomia 21 é um plus e enviar esta mensagem com alegria, não só na Itália, mas também em outros países”.
Consulte seus sonhos com frequência. Então, o que eles são?
“Escrever este livro já era um dos meus sonhos. Antes de fazer isso, adormeci com a ideia de escrever este livro para contar sobre mim e meus sentimentos ao mundo. O sonho que tenho agora, porém, é entregar este livro ao Presidente da República Mattarella e ao Papa Francisco. Além disso, gostaria que a política realmente funcionasse para não deixar ninguém para trás, talvez esse seja o maior sonho.”
Você dedicou muito espaço à sua experiência na seleção. Qual é a lembrança da camisa azul à qual você mais se apega?
“A melhor lembrança é sem dúvida quando vencemos a Copa do Mundo em 2017 em Portugal. Me ofereceram a camisa 10 porque era meu aniversário (14 de abril, nota do editor). Quero acrescentar que nosso futebol deve ser um exemplo, mesmo para a Série A: é um futebol limpo e respeitoso com árbitros e treinadores. Trabalhamos muito para seguir todas as instruções que nos são dadas e é um desporto que acolhe a todos”.


PRÊMIOS
Copa do Mundo 2019 – 3º lugar
Campeonato da Europa de 2018 – 2º lugar
Copa do Mundo 2017 – 1º lugar
Trisome Games 2016 – 1º lugar

Beowulf Presleye

"Extremo fanático por mídia social. Desbravador incurável do twitter. Ninja do café. Defensor do bacon do mal."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.