Em Madrid a exposição “O outro Renascimento” – Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação Internacional

Em Madrid a exposição “O outro Renascimento”

EU’Embaixador da Itália em Madrid Riccardo Guariglia participou da inauguração da exposição “O outro Renascimento. Artistas espanhóis em Nápoles no início do século XVI” configurar em Museu Nacional do Prado em Madri. Organizado em colaboração com o Museu Capodimonte e Madeira Reala exposição pretende ilustrar a forma particular como os mais importantes artistas espanhóis do século XVI, radicados em Nápoles, realizaram revolução artística renascentista italiana representada por Leonardo, Rafael e Michelangelo.

“É um grande orgulho – sublinhou o Embaixador italiano – inaugurar esta exposição que representa mais um testemunho extraordinário da relação frutuosa entre Nápoles e Espanha. Nápoles é sem dúvida a cidade italiana mais ligada a Espanha e esta exposição tem o mérito de analisar uma das páginas mais interessantes da história da arte”. “Nápoles – observa Guariglia – foi terreno particularmente fértil para a elaboração de modelos que contribuíram para a definição, no início do século XVI, de um Versão Ibérica do Renascimento com traços estilísticos claramente identificáveis, mas ligados aos grandes mestres italianos. Claro que esta exposição, um exemplo brilhante de diplomacia cultural, ajuda a aprofundar ligações históricas e artísticas entre a Itália e a Espanhaque viveu uma fase de forte recuperação no último período”.

A exposição – organizada por Andrea Zezza (Departamento de Literatura e Patrimônio Cultural-Universidade da Campânia) e Ricardo Naldi (Faculdade de Letras e Filosofia-Universidade “L’Orientale”) – concentra-se em um período curto, mas florescente do Renascimento espanhol, de 1504 a 1535, quando as influências italianas se tornaram predominantes na obra pictórica de Bartolomé Ordóñez, Diego de Siloe, Pedro Machuca ou Alonso Berruguete, artistas que se instalaram em Nápoles justamente para aprender a lição dos grandes mestres italianos do Renascimento.

Leigh Everille

"Analista. Criador hardcore. Estudioso de café. Praticante de viagens. Especialista em TV incurável. Aspirante a fanático por música."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *