F1, Piquet pede desculpas a Hamilton: ‘Racismo? Não, palavras mal compreendidas’

O ex-piloto brasileiro volta a falar após chamar o heptacampeão britânico de “neguinho”. “Peço sinceras desculpas a todos que se sentiram magoados, incluindo Lewis, que é um piloto incrível”, disse ele em comunicado, “mas a tradução que circula nas redes sociais está incorreta”. F1 acontece no fim de semana em Silverstone: tudo ao vivo no Sky Sport F1, Sky Sport Uno, em 4K e streaming no NOW

GUIA DE TV

O ex-piloto brasileiro Nelson Piquettricampeão mundial de F1, pediu desculpas “de todo o coração” ao heptacampeão Lewis hamilton, depois de defini-lo como “neguinho'”. “Peço sinceras desculpas a todos que se machucaram, incluindo Lewis, que é um piloto incrível”, disse o brasileiro de 69 anos em um comunicado, “mas o Tradução circulando nas redes sociais é incorreto. »

Em uma entrevista em vídeo concedida ao Motorsports.com, por ocasião do Grande Prêmio da Inglaterra de 2021, o tricampeão mundial (1981, 1983, 1987) definiu Hamilton “neguinho”, palavra comumente usada no português falado no Brasil e também usada por pessoas não-cor. “O que eu disse foi mal interpretado. Não quero me defender, mas quero esclarecer que o termo usado é um termo que na língua luso-brasileira, e em particular no estado do Rio de Janeiro, significa ‘menino ‘ e então não é ofensivo eu não queria ofender e me referir à cor da pele, e eu nunca usaria essa palavra no sentido que me acusaram em algumas traduções”, explicou Piquet, amplamente criticado pela expressão usada pela Federação Internationale de l’Automobile et de la Formula 1.

Referindo-se a Piquet, um grande apoiador do presidente brasileiro Jair Bolsonaro, que liderou no Dia da Independência, Hamilton (que recebeu cidadania honorária do Brasil no ano passado) escreveu sobre Twitter: “Isto são mais do que palavras. Estas mentalidades arcaicas devem mudar e já não têm lugar no nosso desporto.”

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.