“Foi o melhor fim de semana do ano até o acidente de corrida” – OA Sport

Joan Mir concluiu o Grande Prêmio da Alemanha em cascalho, a 10ª competição do Campeonato Mundial de 2022. O espanhol levantou a bandeira branca na curva 1, saiu após contacto com o português Miguel Oliveira (KTM).

O ex-campeão mundial confidenciou à mídia conforme relatado por ‘Speedweek.com’. “Foi um fim de semana cheio de altos e baixos. Sexta e sábado senti-me bem, foi o melhor fim-de-semana do ano até ao acidente na corrida. Também em termos de ritmo de corrida, estivemos entre os mais rápidos”.

Centauro Suzuki continuou dizendo: “Para altas temperaturas, escolhemos o pneu traseiro duro em vez do médio. Nas primeiras duas voltas os pneus não funcionaram bem, não houve sensação. Com isso, não consegui acelerar direito e perdi algumas posições na parte central”.

F1, julho será o mês da verdade. Charles Leclerc e Ferrari no ataque para reabrir o campeonato mundial nas próximas 4 corridas

Sobre o contato com Oliveira, porém, Mir concluiu dizendo: “Senti que estávamos emparelhados na reta e freamos ao mesmo tempo. Quando comecei a fechar minha linha, nos tocamos levemente porque ele estava do lado de dentro. Precisei de mais algumas voltas para aquecer os pneus,” explicou o nono acidente do campeonato mundial na curva 1″.

Foto. Imprensa de MotoGP

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.