Índice de liquidez, Lazio TAR rejeita recurso da FIGC

ROMAA Lazio TAR rejeitou o recurso da FIGC sobre a questão do Índice de Liquidez. Em 13 de junho, o Faculdade de Garantia Coni deu provimento parcial ao recurso do Liga Série A de facto excluindo-o das condições obrigatórias de inscrição para o próximo campeonato. Daí a opção pela Allegri de contactar o Tribunal Administrativo Regional do Lácioque também acatou o pedido do Figos para encurtar os tempos de recurso. o associação de futebol na verdade, ele havia pedido a suspensão cautelar do aparelho do Faculdade de Garantia Esportiva Coni de 13 de junho, que ele “parcialmente aceito” o recurso da Liga contra a FIGC e estabeleceu a impossibilidade de que “a verificação da posse do requisito do índice de liquidez é definida para um período anterior ao final do exercício em curso”. Lazio TAR, com a seção Prima Ter presidida por Francesco Arzillo, reuniu-se ontem para considerar o apelo da FIGC; sua receita hoje “rejeita o pedido de conservatório”enfatizando, entre outras coisas, as razões que “Não há evidências de danos graves e irreparáveis ​​em relação às futuras obrigações administrativas e ao início do campeonato da Série A” na sequência da decisão do Colégio de Garantias.

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.