MotoGp, Quartararo: “Bagnaia ainda pode lutar pelo título” – Sport – Campeonato do Mundo

Milão, 23 de junho de 2022 – “É um dos meus circuitos favoritos, então acho que ainda podemos fazer uma boa corrida.” Fabio Quartararo tem excelentes sentimentos dado o Grande Prêmio de Assen, marcado para domingo. E como poderia ser de outra forma: o francês vive um momento de ouro, pois acaba de voltar de dois sucessos seguidos, precedidos por um segundo lugar. Uma série de resultados que o levaram ao topo do Campeonato do Mundo de MotoGP com uma vantagem de 34 pontos Aleix Espargaró, o rival mais direto. “O Yamaha não me pressiona, como eu não sou, então eu aproveito. Claro que, mesmo antes da qualificação e da corrida, sinto-me um pouco estressado, mas a pressão não é um problema, consigo lidar bem com isso – diz a classe 99 – Quando estou na moto, não penso estar em o topo do Mundial ou ter que defender o título, mas meu único foco é vencer”.

Os rivais

Sobre o próximo fim de semana holandês, Quartararo destaca: “O tempo mudou, deve haver bom tempo no domingo para a corrida. Espero que possamos correr no seco. Condições que obviamente favoreceriam a Yamaha do transalpino, que terá em Francesco Bagnaia um dos adversários mais motivados e ferozes. “Zarco Eu o considero um adversário para a Copa do Mundo, mas a temporada ainda é longa. Mas não posso excluir Bagnaia da corrida pelo título, é verdade que 91 pontos é muito, mas no ano passado ele também me deu muitos pontos. Pecco sabe ser super rápido e há muitos pontos para ganhar. Uma comparação com a temporada 2021? No ano passado – continua Quartararo – tive uma largada melhor, tive problemas no braço em Jerez, isso me fez perder pontos, mas não quero olhar para trás, prefiro olhar para o futuro. Nas primeiras 4 corridas deste ano não pilotei bem, mas de Portugal acho que melhorei em relação a 2021”.

Leia também: Horários e onde acompanhar o GP de Assen

Elite Boss

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.