por falar em ticket reduzido, a equipe conta

Milão, 5 dez. (askanews) – “Falar em ingressos é um eufemismo, porque quando você administra uma região complexa como a Lombardia, composta por dez milhões de habitantes, que se assemelha a um estado europeu de médio porte como Portugal ou Suécia, você tem que falar em equipe, não bilhetes, formados por pessoas competentes e capazes”. Assim, a candidata de centro às eleições regionais de 2023 na Lombardia, Letizia Moratti, em Tagadà na La7, respondendo a uma pergunta sobre uma hipotética chapa com o candidato de centro-esquerda Pierfrancesco Majorino.

“Todas as possibilidades de convergência são bem-vindas – continuou – de partidos, associações, listas cívicas, diferentes formações, desde que existam questões concretas, que tenham propostas concretas, propostas que digam quando são feitas e políticas implementadas” evitando pensar “em silos”.


“Estou aberto a confrontar-me” com as diferentes almas do Partido Democrático, “a medir-me, a confrontar-me sobre todas as questões que são seguramente a sensibilidade ao ambiente no trabalho, mesmo que não seja apenas o tema do meio ambiente deve ser prerrogativa tanto do Partido Democrata quanto das políticas sociais ou políticas de segurança para a direita. Estou muito aberta a tratar seus temas de forma muito concreta e muito construtiva, acredito que as mulheres têm a capacidade de sintetizar ” e “talvez isso seja uma vantagem numa competição que certamente pode ver a convergência de almas diferentes”, conclui.

Beowulf Presleye

"Extremo fanático por mídia social. Desbravador incurável do twitter. Ninja do café. Defensor do bacon do mal."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *