Psg, Renato Sanches explica porque disse não ao Milan

O impacto de Renato Sanches no Paris Saint Germain foi muito positivo: o médio português, que desembarcou Lille por 15 milhões de euros, marcou logo na estreia no Parco dei Principi contra o Montpellier no fim do jogo 5-2 para amostras de França. Nos microfones de Canal Futebol Clube o jogador lusitano explicou a escolha de ir para o Torre Eiffel e não em Milão, que o está cortejando há meses.

Psg, Renato Sanches: “Psg sempre primeira opção, Campos decisivo”

O PSG é um clube onde gostaria de ter ido várias vezes – explicou o campeão europeu de 2016 -. No passado, quando joguei na Alemanha, houve situações, mas nunca se concretizaram. Minha primeira opção sempre foi ficar na França e jogar no PSG. Tenho certeza que é uma boa escolha, fiz assim mesmo e o projeto é bom.” Sanches em Paris encontrado Galtier e Campos: “Conhecer os dois me ajuda, conversei mais com o Luis, depois que ele assinou com o PSG entramos em contato imediatamentedesempenhou um papel muito importante“.

Veja o vídeo

Milan no trabalho, Tonali rumo à recuperação

Renato Sanches: “Verratti? Gosto do estilo dele”

Sanches se concentrou em um de seus colegas de quarto, Marco Veratti:Ele sempre foi um jogador que eu realmente gostei. Mesmo quando me perguntaram quem eram os melhores meio-campistas da liga, quando eu estava no Lille, eu o nomeei. Gosto muito do estilo de jogo dele e ele é tecnicamente muito forte. Ele é um jogador muito forte“.

Double Rebic, Diaz e Hernandez: show de Milão com Udinese

Assista a galeria

Double Rebic, Diaz e Hernandez: show de Milão com Udinese

Inscreva-se no Corriere dello Sport Fantasy Championship: Mister Calcio CUP

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.