Quanto ganha John Elkann, CEO da Exor e presidente da Stellantis?

Mesmo que ele não tenha o sobrenome Agnelli, ele é John Elkann agora para dar continuidade aos negócios da família, conforme indicado expressamente pelo avô Gianni, que sempre teve uma queda por ele.

Além da paixão pela Juventus, John Elkann é presidente da Stellantide, Ferrari e o grupo editorial GEDIalém de ocupar o cargo de gerente geral da exortara segurança da família Agnelli.

Vamos ver então Biografia do que pode ser considerado para todos os efeitos o herdeiro comercial de seu avô Gianni Agnelli.

Biografia de John Elkann

Nascido em Nova York em 1º de abril de 1976, filho de Alain, jornalista e escritor, e de sua mãe, Margherita Agnelli, filha de Gianni, John Elkann ele é o mais velho do casal que teve outros dois filhos, Lapo e Ginevra.

Depois que seus pais se divorciaram, os dois se casaram novamente, ela tem mais cinco irmãos do segundo casamento de sua mãe. Quanto à sua vida privada, ele é casado com Lavinia Borromeo e tem três filhos: Leo, Oceanus e Life.

Os primeiros anos de sua vida foram marcados por viagens incessantes, tanto que frequentou a escola primária primeiro no Reino Unido e depois no Brasil. Depois que sua família se mudou para Parisna capital francesa, obteve o diploma do ensino médio em ciências.

Para os estudos universitários mudou-se depois para Turim, graças a esta perambulação falou italiano, inglês, francês e português, onde em 2000 se formou no Politécnico de economia de gestão.

Carreira profissional

Já durante seu período de estudos John Elkann fez vários estágios (montagem numa fábrica da Magneti Marelli em Inglaterra, numa linha de montagem Panda na Polónia e num concessionário automóvel em França) para conhecer melhor o negócio da família.

No entanto, a carreira de John sempre foi a dos predestinados, pois em 1997, com apenas 21 anos, seu avô Gianni Agnelli (falecido em 2003) o escolheu como seu sucessor, entrando assim na diretoria da Fiat.

Após concluir os estudos, ingressou na General Electric trabalhando também na Fiat, onde em 2004 assumiu a vice-presidência. Quando em 2008 o exortarempresa de investimentos controlada pela família Agnelli, tornou-se imediatamente seu presidente e em 2011 assumiu também o cargo de gerente geral.

Além da Exor, em 2011 também foi nomeado presidente da Fiat, que mais tarde se tornou CIF (Fiat Chrysler Automobiles) e finalmente Stellantidemantendo a mesma posição.

Além destas funções, é presidente do GEDI Gruppo Editoriale (La Repubblica, La Stampa, L’Espresso, Radio Deejay, Radio Capital etc…) enquanto através da Exor controla 63,76% do Juventus com seu primo Andrea Agnelli que até novembro de 2022 ocupou o cargo de presidente do clube Juventus listado na bolsa de valores desde dezembro de 2001.

o patrimônio

Em 2021 exortar alcançou um volume de negócios de 33,6 mil milhões de euros, tendo a holding registado um lucro líquido de 3,4 mil milhões no mesmo ano; segundo o ranking Fortune Global 500 2022, é o 293º grupo do mundo em volume de negócios.

De acordo com a revista comercial americana Forbes, John Elkann por enquanto pode contar com um bens pessoais estimados em US$ 2 bilhõescolocando-o em 1.481º lugar no ranking dos mais ricos do mundo e em 25º lugar no ranking especial que diz respeito apenas à Itália.

Leigh Everille

"Analista. Criador hardcore. Estudioso de café. Praticante de viagens. Especialista em TV incurável. Aspirante a fanático por música."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *