Rali de Portugal: Toyota lidera classificação de construtores duas vezes

A equipa Toyota Gazoo Racing celebra uma fantástica dobradinha para o Gr Yaris Rally1 na sua estreia na gravilha no Rali de Portugal, com Kalle Rovanperä a conquistar a sua terceira vitória consecutiva à frente do companheiro de equipa Elfyn Evans.

Como foram os primeiros quilômetros do Rally1 na gravilha?

No primeiro teste da nova geração de carros híbridos, o Gr Yaris Rally1 foi o carro a bater, vencendo 15 das 19 etapas de cascalho neste fim de semana. Evans liderou o caminho desde as primeiras horas da manhã de sexta-feira com tempos de etapa muito rápidos, e Rovanperä se juntou a ele entre os dois primeiros no final do primeiro dia depois de fazer um trabalho fantástico limpando estradas de terra como líderes do campeonato pela primeira vez em suas carreiras. a dupla se viu em uma corrida de duplas no dia mais longo do evento no sábado, e à tarde a liderança é gasta em Rovanperä em condições climáticas difíceis. O piloto finlandês tinha 5,7 segundos de vantagem sobre Evans no início do último dia de cinco etapas e venceu o primeiro teste da manhã, com Evans respondendo na primeira passagem pela famosa etapa de Fafe do rali. Mas Rovanperä e o co-piloto Jonne Halttunen terminaram vencendo a penúltima etapa e a última Power Stage do rali, garantindo as apostas mais altas para aumentar sua liderança no campeonato.

Os protagonistas

No final, foi Rovamperä quem conquistou todos ao vencer ralis e etapas de potência. De acordo com seu companheiro de equipe Evans seguido por um surdo em excelente forma em sua estreia no Rally1.

Depois de ter sido forçado a abandonar as etapas na sexta e no sábado, Sébastien Ogier partiu no último dia para ganhar experiência com o Gr Yaris Rally1 para a sua segunda participação na temporada. Infelizmente, o outro Seb, Loeb, também não brilhou como esperado, primeiro por um toque que o obrigou a se aposentar e depois por um problema técnico.

Classificação após a corrida

Liderando a classificação de pilotos está Rovamperä com 106 pontos, seguido por Neuville com 60, Katsura com 38, Tanak com 37, Evans com 36, Breen com 34, Loeb com 27, Greensmith com 20 e Sordo empatado com Ogier em 19 .

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.