RUI PATRICIO: “Vamos estudar os pontos fracos do Feyenoord, será uma grande final. Os torcedores merecem o troféu”

ÚLTIMAS NOTÍCIAS COMO ROMARui Patrícioguardião do Romafalou em exclusivo aos microfones do site da UEFA tendo em vista a final da Conference League, durante a qual vai desafiar o Feyenoord. Aqui estão as declarações dele.

No Feyenoord.
“O Feyenoord é uma equipe bem organizada e tem grandes jogadores que podem definitivamente fazer a diferença. Durante a preparação do jogo, estudaremos esses jogadores e seus pontos fortes, mas também suas fraquezas tentando entender como explorá-los. Será um grande final. Sabemos que vamos defrontar uma grande equipa, pelo que faremos tudo para vencer. Temos que trabalhar duro, como fazemos todos os dias, para dar o nosso melhor”.

Trabalhando com Mourinho.
“Ainda acho que José Mourinho é o melhor treinador do mundo? Minha opinião vai além. Foi um ano incrível em que aprendemos muito. Foi fantástico trabalhar com Mourinho: tudo o que fazemos e lutamos é para vencer e foi por isso que conseguimos chegar à final. Esta é a minha primeira final europeia com um clube. Estou muito feliz e quero continuar aprendendo com ele. Fui a primeira compra dele, mas quando cheguei já sabia o que ia fazer e também como, ou seja, dar o melhor de mim como em todos os clubes onde joguei. Eu nunca vou mudar, vou continuar trabalhando o máximo possível e dando tudo pela equipe”.

A emoção da final.
“Estou orgulhoso porque esse sempre foi um dos meus principais objetivos: chegar à final, especialmente na Europa. Este sempre foi o objetivo desde o início da temporada. Quando jogamos uma competição, seja ela qual for, devemos fazer de tudo para ganhá-la. Chegar a uma final europeia é o sonho de todo jogador, mas no próximo ano teremos que lutar por mais troféus. Estamos ao mais alto nível, num clube que tem todas as condições para conquistar títulos: esse deve ser o nosso objetivo, dia após dia”.

A chance de ganhar um troféu.
“Isso nos motiva mais, mas ter que vencer também traz mais responsabilidade. Temos que dar o nosso melhor, lutar pelo clube e pelos torcedores, e temos que lembrar disso. Cada jogador conhece suas responsabilidades; ele sabe o que fazer, porque somos profissionais. Sabemos que é muito importante e faremos tudo o que estiver ao nosso alcance porque os adeptos certamente merecem este troféu”.

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.