Tancredi: “Aposentar-se antes do Liverpool foi uma má escolha. A Roma é mais forte que o Feyenoord, espero que tenham mais sorte do que nós.”

AS NOTÍCIAS DA ROMA – Franco Tancredo é convidado das colunas de Clima (E. Zotti) em entrevista dois dias antes da final em Tirana. Aqui estão as palavras do ex-goleiro Giallorossi:

Como a Roma chega ao desafio mais importante da temporada?
Começar com a qualificação para a Liga Europa já no bolso é muito importante. Isso permitirá que a equipe se prepare para a partida com uma mente clara. A pressão obviamente estará lá, mas só até certo ponto. Ainda bem que a última partida foi disputada na sexta-feira passada, os jogadores têm 5 dias para recarregar as baterias.

O que aconteceu com você antes desta Roma-Liverpool? Liedholm decidiu levá-lo para a aposentadoria. Desta vez, no entanto, Mourinho permaneceu Trigoria.
Descansar e pensar apenas no Feyenoord por 10/15 dias poderia ter sido contraproducente. Antes de jogar pelo Liverpool, Liedholm nos aposentou por uma semana, eu teria feito uma escolha diferente. Muito tempo havia se passado entre o último campeonato e a final no Olímpico, além de chover todos os dias no Cavalese. Foi realmente uma aposentadoria pesada. Em vez disso, o Liverpool jogou dois amistosos no calor. A minha ideia é que se tivéssemos jogado com eles também teríamos chegado melhor à final. Em vez disso, o Feyenoord voou para Portugal. Os holandeses, assim como os anglo-saxões, têm uma mentalidade diferente nesses casos. Quando os clubes vão para o exterior, as famílias dos jogadores costumam acompanhá-los. Os jogadores do Liverpool chegaram ao Olímpico com suas esposas e filhos. Existe outra forma de se preparar para esses encontros, tentamos respeitar ao máximo o dia a dia dos jogadores. Não estou dizendo que a Roma perdeu este jogo por causa da aposentadoria, veja bem. Houve várias situações infelizes, como a ausência de Maldera e a lesão de Pruzzo. No gol do Liverpool, o árbitro cometeu um erro gritante ao aplicar a regra da vantagem em uma cobrança ao goleiro.

A Roma é a favorita na quarta-feira?
Estou convencido de que é a equipa mais forte, mas não quero dar percentagens. A Roma vista na segunda metade do campeonato me dá esperança. Em qualquer caso, um pouco de sorte nunca é demais. Com o Liverpool, não tínhamos nem um pouco.

É a maior garantia ter Mourinho no banco?
O que ele fez na Europa e em sua carreira é visível para todos. Ele é a mais valia desta equipa e um dos principais arquitectos da cavalgada que levou a Roma a disputar uma Taça dos Campeões Europeus depois de mais de trinta anos.

Como avalia a primeira temporada de Rui Patricio em Itália?
É um jogador com grande experiência e uma grande personalidade. Tem qualidade e consegue transmitir tranquilidade à equipa. Comparado aos goleiros vistos após a venda de Alisson, a Roma deu um salto qualitativo.

O que você daria para entrar em campo na quarta-feira?
Seria bom (risos, nota do editor). Mesmo que tenha corrido mal, ainda estou grato por ter jogado uma final da Copa dos Campeões. Mentalmente, repeti várias vezes, mas infelizmente o resultado real não muda.

Fonte: Tempo

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.