Ucrânia: 500 pacientes transferidos para hospitais europeus graças ao Mecanismo de Proteção Civil da UE

De acordo com documentos da UE, 500 pacientes ucranianos que necessitam de tratamento ou assistência médica urgente foram até agora transferidos da Ucrânia, Moldávia e Estados-Membros vizinhos da UE para hospitais europeus, graças ao Mecanismo de Proteção Civil da União. O principal Paises sede atualmente Bélgica, Alemanha, Dinamarca, Espanha, França, Irlanda, Itália, Luxemburgo, Holanda, Noruega, Portugal, Roménia e Suécia. “Como os hospitais na Ucrânia e nos países vizinhos estão cada vez mais sob pressão, precisamos organizar atendimento especializado, tanto para pacientes com doenças crônicas quanto para feridos de guerra. A UE está a trabalhar Em volta do relógiosete dias por semana, para coordenar a evacuação médica de pacientes ucranianos através do seu mecanismo de proteção civil. Mais uma vez a União mostra seu apoio aos mais vulneráveis, juntos salvamos vidas”, afirmou. Janez Lenarcic, Comissário Europeu para a Ajuda Humanitária e Gestão de Crises. As transferências ocorreram através do mecanismo de solidariedadeum sistema específico da UE para transferências médicas, ao abrigo do Mecanismo Europeu de Proteção Civil, que garante a transferência segura dos dados dos doentes através da partilha de registos médicos através do Sistema de Alerta Antecipado e Resposta (Ewrs). Além disso, o sistema permite que a Comissão Europeia notifique as autoridades ucranianas de casos em que pacientes foram transferidos para países da UE.

Leia também outras notícias sobre Notícias Notícias
Siga-nos nas redes sociais da Nova News em Facebook, Twitter, LinkedIn, Instagram, Telegrama

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.