Zaniolo: “O interesse de grandes nomes é um prazer. Adeus? Eu sentiria falta de tantas pessoas. Herdeiro de Dybala…’ | Primeira página

Nicolò Zaniolo toma a palavra novamente. O romanista deu uma entrevista a Gazzetta dello Sport entre passado e futuro. Suas palavras: “O objetivo este ano não era parar, retomar a continuidade e voltar a ser jogador de futebol. Marquei 8 gols, alguns dos quais parecem poucos, mas foi uma loucura pensar que poderia marcar 25-30 depois de dois anos sem a bola. E então demos aos nossos torcedores um troféu que estava faltando há muito tempo. Então, tudo correu muito bem.”

O gol do Trabzonspor nas eliminatórias da Conference League 400 dias depois da última vez…

“Aí eu disse a mim mesmo: aí está você, finalmente voltou a jogar. A combinação perfeita, aquela em que você pode fazer tudo”.

No interesse das grandes equipes…

“O interesse das grandes equipes me deixa feliz: se eles pensam em você, é porque você vale a pena. E não, isso não me distrai nem me enlouquece. Pelo contrário, eu treino ainda mais motivado: eu quero mostrar que é certo ser abordado por esses grandes clubes”

Ele não iria embora com o coração leve…

“Se isso acontecesse, eu sentiria falta de tantas pessoas.”

Comparação com Dybala…

“Também parece excessivo ser comparado a ele. Ele é único, um jogador fantástico, muito forte. Vamos ver. A vida é imprevisível, você nunca sabe o que acontece. Estou treinando. E estou esperando”.

Sobre o ídolo Ibrahimovic…

“Aqui, entre os gols alcançados nesta temporada, está o nosso jogo juntos, que venceram por 3 a 1, mas que para mim ainda foi lindo. Eu coroei um sonho. Não tive coragem de me abordar, fiquei com vergonha… Mas o estudei de longe: pela abordagem do jogo, pelo comportamento de líder carismático, o Ibra é um fenômeno. E estou feliz que ele ganhou o Scudetto, ele trouxe o Milan de volta ao topo e ele mereceu. Este é o último? Se ele ainda quiser…”.

Na seleção nacional…

“A Copa do Mundo foi um gol e sinto muito, mas também estou acostumado a perseguir, haverá outros gols pelo meio”

Cooper Averille

"Praticante de cerveja incurável. Desbravador total da web. Empreendedor geral. Ninja do álcool sutilmente encantador. Defensor dedicado do twitter."

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.